SETEMBRO COM MUITA ARTE EM ALBUFEIRA

Versão de impressãoVersão PDF

Setembro abre portas com muita arte para ver nos vários espaços culturais da cidade de Albufeira. No primeiro dia do mês, a Galeria de Arte Pintor Samora Barros acolhe a exposição “asíuL – abre os olhos”, de Luísa Soares, uma mostra que convida a descobrir as obras através do toque. A partir de 28, na Galeria Municipal de Albufeira João Bailote, João Cláudio da Silva transporta-nos a um imaginário interior enfeitiçado e poético através das suas pinturas. E para quem ainda não teve a oportunidade de ver os trabalhos resultantes do concurso “Cores e Formas dos Nossos Artistas – 2018” e a exposição “Albufeira por Artur Pastor”, pode ainda fazê-lo até 22 de setembro e 16 de dezembro, respetivamente.

De 1 a 26 de setembro, a Galeria de Arte Pintor Samora Barros, no centro de Albufeira, exibe a exposição intitulada “asíuL – abre os olhos”, da autoria de Luísa Soares.

A artista, residente em Albufeira, refere que as ideias para esta exposição foram surgindo de acordo com o seu estado de espírito. “Dia após dia inspirei-me em mim e nos outros, as minhas preocupações, medos ou interesses e transpu-los para as telas. Assim, existe uma grande diversidade de temas, como por exemplo, natureza, espiritualidade, humanidade. Por esta razão achei interessante a presença de um crucigrama de forma a interligar todos os temas e sobretudo criar uma interação entre as pessoas e a exposição”. A artista sublinha que “no decorrer do processo artístico, surgiu a ideia de integrar, ao estético das obras que a compõem, um toque de humanidade, solidariedade e integração de uma minoria muitas vezes esquecida. Trata-se de cegos, ou politicamente falando “pessoas invisuais”. Para o efeito é utilizado o braille e técnicas de relevo, convidando os visitantes a descobrirem as obras através do toque, para que sintam as formas, as texturas e tudo o que o quadro representa, sem qualquer entrave à criatividade e imaginação. Para além do grande objetivo de incluir uma minoria social, a mostra pretende também >>sensibilizar e “abrir os olhos” aos que não sofrem daquilo que é não ver>>.

Para ver, de segunda a sábado, das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30 (encerra aos domingos e feriados). 

A 28 de setembro, João Cláudio da Silva, apresenta a sua exposição de pintura na Galeria Municipal de Albufeira João Bailote, junto aos Paços do Concelho.

Algarvio, de Olhão, o artista estudou na Escola Superior de Artes Plásticas Aplicadas de Poitiers (França), cidade onde abre o seu primeiro atelier. Designer gráfico, pintor, aguarelista e escultor, ensina também artes plásticas em vários centros culturais e escolas. As suas obras estão expostas em França, Portugal e Itália, tendo sido convidado a apresentar o seu trabalho no espaço “St – Bernadin” no Cannet, “les Bains douches” em Antibes, no Consulado Geral em Paris e também na Universidade “La Sapienza” em Roma. Algumas das suas obras foram adquiridas por colecionadores em França, Alemanha, China, Portugal, entre outros países.

De regresso a Portugal, João Cláudio da Silva continua a desenvolver a sua arte que “transporta-nos num imaginário interior enfeitiçado e poético”.

A sua obra pode ser apreciada até ao próximo dia 20 de outubro, de terça a sábado, das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 17h30 (a Galeria encerra domingo, segunda e feriados).

Antes disso, até dia 22 de setembro, no mesmo espaço cultural, continua patente ao público a exposição constituída pelos trabalhos selecionados no âmbito do concurso “Cores e Formas dos Nossos Artistas – 2018”.

A exposição “Albufeira por Artur Pastor”, considerado um dos grandes fotógrafos portugueses do século XX, pode ser admirada até ao próximo dia 16 de dezembro. Vinte anos após ter realizado a sua última exposição em Albufeira, a Autarquia pretende mostrar parte do seu percurso e prestar-lhe uma homenagem pelo legado que deixou ao concelho. A mostra é constituída por dois núcleos expositivos “Locais com História”, patente ao público no Arquivo Histórico, de segunda a sexta (9h00-12h30| 13h30 -17h00) e “O Mar e as suas Gentes” em exibição no Museu Municipal de Arqueologia, terça, sábado, domingo e feriados (9h30-12h30|13h30-17h30) e quarta, quinta e sexta (14h00-22h00).

Galeria de Fotos: 

Seção do Portal: 

Data de Publicação: 

04/09/2018