Aviso à População

Aviso N.º AP/30/DCS​ - 2018-08-03 - 15h45 - Perigo de Incêndio Rural


​Situação Meteorológica:

De acordo com a informação disponibilizada pelo IPMA, nas próximas 48 horas, mantêm-se as condições de elevada severidade meteorológica para o risco de incêndio, destacando-se os seguintes aspetos:

  • Teores de humidade relativa (HRA) inferiores a 20% na generalidade do território nacional, realçando-se que mesmo durante o período noturno os níveis manter-se-ão previsivelmente baixos no Algarve, em alguns pontos do interior Sul, no Centro e Vale do Tejo.
  • A partir de amanhã (4 de agosto) o vento passará a ter predominância do quadrante Norte, podendo ser moderado a forte (20 a 40 km/h) nas terras altas.
  • Manutenção de valores elevados de temperatura máxima em todo o território nacional, com valores acima dos 35ºC (podendo ser ultrapassados 40ºC na região Sul e no Vale do Tejo), situação que se prevê prolongar-se pelo menos até domingo (5 de agosto). Prevê-se ainda a manutenção de valores elevados da temperatura mínima, com a maior parte do território nacional a apresentar valores que poderão exceder os 22ºC, existindo locais em que se prevê poderem ser atingidos 30ºC (Algarve, Vale do Tejo e alguns locais do interior Centro).
  • Nos dias 3 e 4 de agosto prevêem-se condições de instabilidade atmosférica que, em especial na tarde do dia 3 de agosto, poderão potenciar situações convectivas localmente fortes, com geração de ventos e ocorrência de trovoadas secas, em particular no interior das regiões Norte e Centro, não sendo de excluir a possibilidade de se estenderem para o distrito de Portalegre.

Risco de Incêndio:

  • Hoje (3 de agosto), índices máximos no Algarve e máximos/muito elevados no distrito de Beja (máximos no concelho de Odemira), no interior Norte e Centro e na região de Vale do Tejo (com destaque para os distritos de Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Guarda e Bragança, principalmente os concelhos que, dentro desses distritos, se encontram mais próximos da fronteira).
  • No fim-de-semana prevê-se a manutenção dos índices do risco de incêndio no Algarve e no distrito de Beja e, no sábado (4 de agosto), prevê-se, em relação ao dia anterior, um agravamento na zona Centro (um maior número de concelhos vai apresentar índices máximos, designadamente nos distritos de Leiria, Coimbra e Castelo Branco).
  • No domingo (5 de agosto) prevê-se que possa ocorrer um agravamento dos índices do risco de incêndio no Norte e Centro, com um aumento do número de concelhos onde poderão ser atingidos índices máximos, na zona mais junto ao litoral, destacando-se, adicionalmente aos distritos referidos nos dias anteriores, os distritos de Viseu, Porto, Braga e Vila Real.

 

Data do Documento: 

Sex, 2018-08-03

Tipo de Documento: 

Documento em Anexo: 

Fonte Documento: 

Câmara Municipal

Departamento: 

Presidente

Divisão: 

Serviço Municipal de Proteção Civil

Seção do Portal: