PEDIDOS DE INFORMAÇÃO POR PARTE DE MIGRANTES AUMENTARAM EM JUNHO

Versão de impressãoVersão PDF

O Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes de Albufeira - CLAIM, a funcionar desde 2008, tem vindo a apoiar e promover a integração das comunidades migrantes residentes no concelho. Foram atendidas cerca de 300 pessoas oriundas de 20 países diferentes durante o mês de junho, o que constitui um aumento significativo. Este centro garante o acolhimento, informação e apoio aos cidadãos migrantes, facilitando a sua integração.

O CLAIM, localizado na Quinta da Palmeira, prestou atendimento a cerca de 300 pessoas durante o mês de junho. Foram dadas soluções a 290 questões colocadas por pessoas de diversos países, onde se destacam, do total de atendimentos registados, 82 cidadãos naturais do Brasil, 52 do Nepal, 35 da Índia e 26 da Ucrânia, entre outros, sendo que na totalidade foram atendidos cidadãos oriundos de 20 países diferentes.

Este Centro, a funcionar desde 2008, é um serviço da Divisão de Educação e Ação Social do Município de Albufeira que resulta de um protocolo com o ACM – Alto Comissariado para as Migrações. Pretende garantir o acolhimento, informação e apoio aos cidadãos migrantes em todas as questões relacionadas com o trabalho, saúde, educação, reagrupamento familiar, nacionalidade, retorno voluntário e legalização. Tenciona, igualmente, promover e dinamizar acções que favoreçam uma maior e melhor integração da população migrante facilitando o seu processo de integração social, bem como evidenciar as diferentes culturas existentes no concelho.

Refira-se que a Câmara Municipal de Albufeira promoveu também no mês de junho o III Encontro Multicultural, através do CLAIM, no Jardim de Vale Faro. Este evento envolveu a comunidade local e migrante do concelho, num programa que, durante dois dias, deu a conhecer como vivem em Albufeira os cidadãos de outras nacionalidades. O Município promoveu ainda uma candidatura ao FAMI – Fundo, Asilo, Migração e Integração, que permite financiar a 75% ações de formação de língua portuguesa destinadas à comunidade migrante, para contornar as dificuldades linguísticas, realizando assim duas ações de formação durante os meses de fevereiro e março.

O serviço de atendimento do CLAIM está aberto ao público durante os dias de semana, entre as 9h00 e as 16h00 (encerra aos sábados, domingos e feriados).

Galeria de Fotos: 

Seção do Portal: 

Data de Publicação: 

10/08/2017